Quarta-feira, 11 de Fevereiro de 2009

(sem título)

Escrevo porque tenho medo que sintas frio, aí, onde moras. Que esteja frio, agora, que o Amor é um lugar longe.

Quando souber, eu prometo, vou escrevê-las em lã vermelha. As letras. Depois, uma a uma, ponho-as no meu coração e aqueço-as. Hei-de limpá-las, também, com o cheiro das lágrimas, para que te pareçam as mais bonitas da nossa Hstória.

Oh, quem me dera dos meus olhos ver o abismo do coração. E que ele parasse de te escrever em todas as paredes do meu corpo.

Dentro de mim, há amor e nuvens. Céu e terra. Há sonhos.

 

 

 

 

Som, som: take me home

Sentido c-de-catia às 22:55
frequência | adicionar letrinhas | favorito
|
1 sopa de letras:
De Charlie, The Sinner a 12 de Fevereiro de 2009 às 18:49
Ó Mariazinha, já que sonhas tanto eu acho que devias investir no projecto da nossa conversa - a história das boleias e do bogas - e assim já podias dar boleia a toda a gente!

E se o amor tem frio e tem abismos... Manda-o abismo abaixo e faz dele sem-abrigo! Vá, a gente não gosta de ver meninas bonitas a fazer cara feia!

Beijinho


Comentar post

.um E e um U.

.Abrir caixotinhos

 

.Outubro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Letras fresquinhas

. Ou então,

. ...

. Parte III

. ano lectivo de 2009/10

. Parte II

. últimos remorsos antes do...

. I

. Previsão Meteorológica

. (abraçar)

. Viagens

.Pó das letras

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

SAPO Blogs

.subscrever feeds